segunda-feira, 6 de novembro de 2017

INVESTIGAÇÃO : MPF denuncia 31 pessoas acusadas de fraudes usando a Lei Rouanet

 Criada em 1991, a Lei Rouanet concede incentivos fiscais para projetos e ações culturais
 
O Ministério Público Federal (MPF) denunciou 31 pessoas acusadas de participar do esquema que desviou R$ 21 milhões por meio da Lei Rouanet. Os acusados de participar das fraudes descobertas pela Operação Boca Livre, deflagrada em junho de 2016, pela Polícia Federal (PF) devem responder pelos crimes de organização criminosa, estelionato contra a União e falsidade ideológica. A 3ª Vara Federal em São Paulo vai apreciar a denúncia e decidir se dá prosseguimento ao processo.

Segundo as investigações que, além do MPF, envolveram a Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União, o Grupo Bellini Cultural desenvolvia projetos fictícios e apresentava contrapartidas ilícitas ao mecanismo de fomento cultural por renúncia fiscal. Criada em 1991, a Lei Rouanet concede incentivos fiscais para projetos e ações culturais. Por meio da lei, pessoas físicas e jurídicas podem aplicar parte do Imposto de Renda devido em projetos culturais.

De acordo com a denúncia, os acusados usavam diversos meios, como notas fiscais falsas, para simular a execução ou superfaturar a prestação de contas dos projetos culturais. Havia também a apresentação de projetos duplicados, usando a mesma ação para justificar a prestação de contas de duas propostas enviadas ao Ministério da Cultura. Ainda segundo a procuradoria, espetáculos e apresentações financiados com os recursos públicos acabam se tornando eventos institucionais fechados.

Os recursos, que dentro das propostas deveriam ser usados para apresentações de orquestras e realização de exposições em cidades do interior ou em áreas periféricas, chegaram até, conforme apontam as investigações, a custear o casamento do um dos sócios do grupo acusado.

Além dos diretores e funcionários da Bellini, são acusados de participar das fraudes representantes das empresas doadoras. Entre as companhias estão uma montadora, um escritório de advocacia, rede de farmácias, rede de loja de eletrodomésticos e empresas de consultoria e auditoria.

Além da análise da documentação apreendida, as provas contra os acusados estão baseadas em cerca de quatro meses de escutas telefônicas.
 
FONTE : DIÁRIO DE PERNAMBUCO

ACONTECE : Sem medo de ser feliz: Fátima Bernardes e Túlio Gadêlha trocam declarações de amor

O casal mostrou que está em sintonia e em clima total de romance

Fátima postou o clique de braços abertos em um passeio de bike 
 Fátima postou o clique de braços abertos em um passeio de bike Foto: Reprodução/Instagram

O primeiro fim de semana do casal Fátima Bernardes e Túlio Gadêlha foi de muito amor. Após assumir a relação para o mundo, os pombinhos postaram cliques em uma região serrana não informada. Apaixonada, Fátima legendou: "quem sabe isso quer dizer amor, estrada de fazer o sonho acontecer", música de Lô e Márcio Borges. Já o pernambucano também descreveu o momento: "... e o meu caminho vai ser teu caminho / Encontraremos a felicidade", música do cantor também pernambucano Zé Manoel. Antes, Fátima postou uma foto com uma moça e escreveu o "oxente" expressão tipicamente nordestina. Só love... 

O clique de Túlio, com camisa aberta e agarradinho com a amada 
O clique de Túlio, com camisa aberta e agarradinho com a amada - Crédito: Reprodução/Instagram

FONTE : BLOG DA ROBERTA JUNGMANN

sábado, 4 de novembro de 2017

Economia : Térmicas mais caras se mantêm acionadas, e luz deve subir mais

A medida deve ter impacto nas tarifas de energia a partir dos reajustes anuais das distribuidoras, quando são calculados os gastos adicionais da taxa ESS, cobrada na conta de luz
Energia 
EnergiaFoto: Reprodução/Internet


O governo decidiu manter em operação térmicas mais caras, apesar do início do período chuvoso, com o objetivo de tentar preservar água nos reservatórios das hidrelétricas brasileiras.

A medida deve ter impacto nas tarifas de energia a partir dos reajustes anuais das distribuidoras, quando são calculados os gastos adicionais da taxa ESS (Encargos de Serviços do Sistema), cobrada na conta de luz.

Leia também:
Aneel avalia mudança de cálculo que pode deixar energia mais cara
BNDES prioriza energia solar e deixa de financiar térmicas a carvão e a óleo

Em reunião nesta sexta (3), o CMSE (Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico) decidiu autorizar o despacho fora da ordem de mérito, que libera o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) a usar usinas mais caras do que as recomendadas pelo modelo que rege a operação do sistema.

De acordo com o MME (Ministério de Minas e Energia), a medida é necessária porque, com o início do período de chuvas, o preço-limite para o despacho de usinas caiu.
Assim, só poderiam ser usadas usinas com custo de até R$ 493,24 por megawatt-hora (MWh), o que limita o acionamento de parte do parque térmico.

Na reunião, o CMSE permitiu que o ONS permaneça usando usinas com preço de até R$ 702,50 por MWh. A decisão vale para a semana que vem. Na próxima quinta (9), o comitê se reúne novamente para avaliar a situação.

Em 25 de outubro, o CMSE decidiu fazer reuniões emergenciais toda semana, para acompanhar mais de perto a situação dos reservatórios, que já se encontram em níveis inferiores ao período anterior ao racionamento de 2001.

Na quinta (2), os reservatórios do sistema Sudeste e Centro-Oeste estavam com 17,76% de sua capacidade de armazenamento de energia, volume inferior aos 23,19% registrados em novembro de 2001. No Nordeste, os reservatórios estão em 5,78%, abaixo dos 8% do mesmo mês em 2001.

O consumidor já vem sentindo no bolso o efeito da seca, com o pagamento da bandeira tarifária em sua conta de luz. Neste mês, está vigorando a bandeira vermelha patamar 2, que custa R$ 5 por cada 100 quilowatts-hora (kWh) consumidos.

A arrecadação com as bandeiras é usada para antecipar recursos às distribuidoras de eletricidade para pagamento de energia mais cara comprada no mercado.

Ainda assim, na terça (31), a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) autorizou o uso de cerca de R$ 1 bilhão da Conta de Energia de Reserva (Coner), também cobrada na conta de luz, para ajudar as distribuidoras a liquidar contratos de fornecimento de energia em setembro. As empresas, porém, afirmam que o montante é insuficiente. 

FONTE : FOLHAPRESS

DIVULGAÇÃO : NÔ ALBERTIM FACESHOP

Gente Se Liguem nessa novidade que vem dando certo !
Se você quer anunciar, vender ou qualquer outro entretenimento, 
é só chamar Nô Albertim do programa Nô Albertim Faceshop,
que ele vai até você !
Preço que cabe no seu bolso !
O programa é realizado pela live do facebook que é
sucesso garantido !

Link Do Facebook : 

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Turismo : Recife terá ônibus turístico de dois andares a partir de fevereiro


A linha turística usará dois ônibus com capota retrátil, conhecidos como "double deck" e usados em cidades como Paris, Londres e Nova York
 Ônibus deste tipo já são usados em cidades como Paris, Londres e Nova York
 Ônibus deste tipo já são usados em cidades como Paris, Londres e Nova York 
Foto: Divulgação


Dois ônibus turísticos, no estilo jardineira, ganharão as ruas do Recife a partir de fevereiro do próximo ano. Serão oito viagens diárias em um trajeto de 27 quilômetros partindo da praça de Boa Viagem, na Zona Sul da capital, e retornando ao mesmo local. A linha turística usará dois ônibus de dois andares com capota retrátil, conhecidos como "double deck" e usados em cidades como Paris, Londres e Nova York. O ticket custará 45 reais e vale para o dia todo.A jardineira terá capacidade para 74 passageiros, sendo 17 no primeiro andar e 57 no segundo, e cada viagem deverá durar aproximadamente uma hora e cinquenta minutos.  O intervalo entre as saídas será de uma hora. Serão disponibilizados ainda, através de sorteio, 50 bilhetes para alunos e professores da rede pública de ensino. O projeto deverá ser ampliado até junho de 2018 para Olinda, no entorno do Mercado Eufrásio Barbosa, e até o final do mesmo ano para Jaboatão dos Guararapes. 
Leia também:
Recife está na mira do Hard Rock Cafe
Temporada de cruzeiros no Recife espera 35 mil visitantes em 2017

Este projeto é um desejo antigo da comunidade turística do Estado e terá participação da iniciativa privada, através da empresa pernambucana 2G. A jardineira deverá atender aos turistas durante o Carnaval, segundo o secretário de Turismo, Esportes e Lazer, Felipe Carreras. “A nossa ideia é que já esteja disponível para o Carnaval. A partir do anúncio, contamos um prazo de 90 dias para o início das atividades. Nossa ideia é, inclusive, encurtar esse prazo”, afirmou.

Ao longo do caminho, os passageiros poderão embarcar e desembarcar quantas vezes quiser em 11 pontos como Praça do Arsenal, Forte do Brum, Cais da Alfândega, Praça da República, Casa da Cultura, Forte das Cinco Pontas e Parque Dona Lindu. As paradas serão sinalizadas e instaladas próximas às estações do Bike PE. Os ônibus terão audiodescrição em três idiomas: português, inglês e espanhol, além de porta-bicicletas com três vagas, climatização no primeiro andar e assentos especiais para cadeirantes e obesos. Crianças abaixo de sete anos não precisarão pagar o bilhete.
"O projeto tem cerca de cinco anos em estudo e finalmente foi destravado. As pessoas poderão conhecer a nossa cidade sobre uma nova perspectiva e um novo olhar", disse a secretária de Turismo do Recife, Ana Paula Vilaça. 

FONTE : FOLHA DE PERNAMBUCO

UTILIDADE PÚBLICA : CAMPANHA TAXISTAS SOLIDÁRIOS








Gente estou aqui divulgando este vídeo para voces no engenho em Vitória De Santo Antão, para quem puder ajudar com alimentos para estas familias. Eu agradeço no fundo do meu coração. O meu contato é no celular o numero (81) 98810.1181 pachequinho.
Sou Taxista do Hiper Bompreço em Casa Caiada, eu e mais três colegas Régis, Rosimar, Sandra e Pachequinho.
As doações poderão ser feitas até o dia 15/11/2017

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

MURAL DE RECADOS